Penna: Tudo é depois do carnaval

0
20

Até o coronavírus respeitou o prazo para o Brasil começar o ano. Agora já temos dois casos, nos inserindo no bloco dos países contaminados. Essa é a prova de que o País só começa tudo depois do carnaval.

E por falar nisso, não é que eu tenha me esbaldado, mas era impossível não ouvir as músicas tocadas nos becos e ruas da Vila Madalena. Pra não dizer que não estive em nenhum momento, fui com Patricia e Tarsila, assistir a largada dos Pimentas, com sua bateria macumbada e o seu passista mais charmoso, o Kaká no Beco do Batman.

O fato é que, os desanimados como eu, puderam ouvir a vila carnavalizada. E sobraram as resenhas bem humoradas feitas por Doutor Celta principalmente as que falam da bebedeira do Mineiro aparecendo na sarjeta em várias postagens das suas mais queridas amigas

“Oh, deixa chover,
Oh, deixa molhar,
Que no molhado é melhor de se brincar”

Esse deveria ter sido o hino desse carnaval.

Porque mesmo molhado e frio, superamos muito em animação. E como precisávamos disso.

Desejo que esse pique se mantenha por todo ano. E como aqui é Brasil feliz 2020 para todos!

José Luiz de França Penna, Presidente de Honra do Centro Cultural Vila Madalena

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA