Premiação em dose dupla

0
171

Foto: Divulgação/Rubens Kato

Divulgação/Rubens Kato
Um dos drinques do bar SubAstor

Dois bares da região, Guilhotina e SubAstor, se destacaram por seus bartenders e fórmulas autorais para drinques clássicos e criações peculiares.

Equipe do Guilhotina comemoram
Equipe do Guilhotina comemora (Div)

O Guilhotina é um dos mais novos do cenário etílico da cidade. O bartender Márcio Silva é um dos sócios da casa. O bar recebeu neste ano vários prêmios pelos drinques. A edição anual de Veja SP-Comer e Beber 2017-2018 elegeu o bar como “a melhor carta de drinques da cidade”, “o 2º bar revelação” e o “bartender do ano – Márcio Silva”. O bar também foi eleito como o 73º melhor bar do mundo, segundo a World 50 Best Bars e o júri do The Spirited Awards, premiação organizada pelo Tales of the Cocktail, que elegeu o bar como um dos melhores novos bares internacionais de coquetelaria do mundo, em evento anual que reúne bartenders do mundo todo realizado em Nova Orleans (EUA).

Divulgação
Mr. Funk, do Guilhotina Bar (Divulgação)

O ambiente do Guilhotina é descontraído e com muitas cores. O lema da casa é “beber um drinque sem muita frescura” e segue à risca. Pode-se beber no balcão ou apoiado em barris. Entre os destaques está uma versão original do clássico gim-tônica – gim com infusão de caju e manga, manjericão e pimentas moídas na taça. O Mr. Funk leva vodca com semente de coentro, cachaça envelhecida, maracujá, hortelã, pimenta e mel. Para comer, a indicação é o sanduíche de barriga de porco.

Outro bar, o SubAstor, inaugurado em 2009, fica no porão do restaurante Astor, foi escolhido como o 90º melhor do mundo, na lista da World 50 Best Bars, lista organizada pelo grupo William Reed, desde 2008. Segundo a Veja Comer e Beber, o bar tem a 2ª melhor carta de drinques e o bartender Fabio la Pietra ficou na vice-liderança como o melhor bartender do ano.

Foto/Rubens Kato
Fabio La Pietra, do SubAstor (Divulgação/Rubens Kato)

Para Fabio, “foi uma surpresa! Foi um grande dia quando recebemos a notícia”. Com esta distinção, o bartender diz “que profissionalmente é a melhor que recebi na carreira, (…) para os clientes e para a equipe um ponto de credibilidade, dedicação profissional e união entre nós”.

Como sugestão da carta do SubAstor, Fabio indica o “Bijoux Caju, a base de gim, vermuth branco com infusão de lúpulo, limão, amêndoa branca e mocororo, um fermentado a base de caju fresco”. Saúde!

Guilhotina Bar, Rua Costa Carvalho, 84, Pinheiros, Telefone 3031-0955, www.facebook.com/guilhotinabar

SubAstor, Rua Delfina, 163, Vila Madalena, Telefone 3815-1364, www.facebook.com/subastor

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA