Criatividade|na ponta do lápis

0
1113

Foto:

Pablo e suas criações

Ter papel à mão é sempre útil. Não só na hora de anotar um endereço ou telefone, mas quando surge uma ótima ideia para um texto ou quando algo te inspira para desenhar. E quem anda com um bloquinho ou caderno por aí adora encontrar novidades que sejam bonitas e com papel de qualidade.
A novidade aqui na Vila é o Velho Livreiro, uma papelaria de Pablo Peinado, Estela Mendes e Sueli Galhado. Pablo é designer gráfico e, após alguns cursos, começou a fazer presentes para os amigos. Ele começou a receber encomendas de empresas e amigos que pediam cadernos, bloquinhos e outros apetrechos. Morador da Vila, um dia encontrou o imóvel ideal para abrir seu negocio para o público geral.
“Tudo o que é produto no papel, e que tem a ver com livro, caderno, a gente desenvolve. Ainda damos consultoria na área de produção gráfica”, ele conta. Na loja, é possível encontrar peças confeccionadas pela Velho Livreiro, e também outros cadernos, blocos, nanquins e canetas importados. Tudo com uma cara super criativa, muitos de outros artesão que o trio conhece.
Já no andar de cima é onde fica o ateliê e a sala de cursos. “Queríamos também aproveitar esse espaço para transformar num pólo educativo”, explica. Há cursos de encadernação, cartonagem, serigrafia e produção e edição independente de um livro.
Entre as novidades, eles estão lançando duas coleções: a Craft, com cadernos com estampas desenvolvidas por Pablo; e São Paulo, uma homenagem à cidade. “Um dos conceitos do Velho Livreiro é que tentamos resgatar que as pessoas produzam no papel, rabisquem. Estimular para que as pessoas que gostem de escrever, que elas escrevam, e as que gostam de desenhar, que elas rabisquem”, ele finaliza. Por isso, mãos a obra!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA