Tipicamente mexicano

0
813

Pratos coloridos, sedutores aromas de especiarias que, misturadas, dão um sabor especial aos alimentos. Bendita seja a extravagante culinária mexicana que agrada em cheio os brasileiros e pode ser apreciada no Dedo de La Chica, misto de restaurante e lanchonete que chegou para incrementar a variedade gastronômica característica da Vila Madalena.
Feijão, queijo, abacate e, é claro, o chilli (pimenta), são a base da comida chamada hoje de “tex mex”, nascida da mistura cultural do México e dos Estados Unidos, especificamente do Texas. O milho é usado no preparo das tortillas, um trabalho quase artesanal. Depois de cozido, o milho é triturado e amassado até se formar uma massa consistente. Depois de ser modelada na forma de disco achatado e fino, a massa é colocada numa chapa quente até dourar. A tortilla pode ser servida quente, fria, frita ou tostada, e deu origem aos Tacos, Burritos e Nachos. Acompanhada de Guacamole, (pasta à base de abacate, tradicionalíssima na cozinha mexicana), é um aperitivo e tanto.
Mesmo tendo o chilli como condimento principal, alguns pratos têm sabores delicados. A pimenta, no Dedo de La Chica, costuma ser servida separadamente e foi ela – a dedo-de-moça, bem vermelha de caule verde – quem inspirou o sócio-proprietário Lauro Cardoso Marinho quanto ao nome e a decoração da casa. As cores são decisivas na cozinha mexicana, não só na montagem dos pratos, como na própria mesa e até nos ambientes: o vermelho das paredes e os detalhes em verde criam um clima “caliente”! No México, o Jalapeño é uma das pimentas mais usadas. Dona de um sabor acentuado, ela é um ingrediente quase sempre presente no preparo de Tacos e Burritos. Lauro incrementa os Nachos usando Jalapeños.
Um dos prazeres da culinária mexicana é que ela é fácil de ser preparada, as receitas não são complicadas (veja a seção Culinária), com raras exceções; os ingredientes não são difíceis de serem encontrados, e não há arranjos, guarnições e decorações extravagantes. São pratos para serem saboreados sem formalidades, “usando as mãos”, acrescenta Lauro, e acompanhados de uma boa tequila, frozen, a marguerita gelada, ou ainda cerveja Sol.
Depois de saborear esses deliciosos pratos no Dedo de La Chica, que tal experimentar outra tradição mexicana: a hora da “siesta”? Pena que a casa só abre às 18h…

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA