Novos rumos na vida

0
387

Foto: Gerson Azevedo

Gerson Azevedo
Nicea, dona da Composição Bijoux, na Vila Madalena

A designer e empresária Nicea Bento Souza, dona da Composição Bijoux, decidiu dar um tempo e buscar novos conhecimentos para os negócios e para a vida.

Nicea sempre viveu e se dedicou à criação dos brincos, colares e outros acessórios nestes últimos trinta anos. “Quando iniciei, trabalhava atendendo atacadistas e criei coleções exclusivas de sucesso para grandes marcas. No ano 2000 decidi abrir a loja que funcionou muito bem até então e consegui criar uma relação muito bacana com clientes e fornecedores. Uma prova é o cadastro que acumulei com mais de 60 mil clientes”, conta ela nesta entrevista ao Guia da Vila Madalena, com quem mantêm uma parceria antiga.

A decisão de encerrar as atividades da loja não foi causada pela situação atual da economia ou política. “Estou pensando nisto há mais de um ano. É claro que o momento econômico do Brasil não está bom, mas não foi isso, nem a política atual me levou a tomar essa decisão. Vou em busca de mais conhecimento”, diz.

Nicea diz que sempre foi uma pessoa interessada em melhorias, como empresária e moradora, que possam deixar a Vila Madalena mais interessante. Sobre o bairro, afirma que “Temos uma ótima localização na cidade, um conjunto de boas lojas e de gastronomia, e outros atrativos, mas precisamos ser mais conscientes em nossa convivência. Me refiro especificamente aos bares com música ao vivo em potência exagerada e que causa muitos incômodos para os vizinhos. Temos lei mas falta uma fiscalização eficiente. Será que sempre será preciso chamar a polícia para resolver esses conflitos?”, pergunta ela.

A história de Nicea com a Vila Madalena é antiga. “Sempre frequentei a Vila e até acabei me mudando para cá. Morei em casas e agora em apartamento, e acho um lugar muito especial na cidade. Fico triste quando amigos me procuram para se despedir e deixam a Vila por outros bairros, na maioria das vezes em busca de sossego e mais segurança”.

Outra apreensão da designer é a especulação imobiliária na Vila. “Entendo que é o progresso e o desenvolvimento, entendo e acho natural. Mas é também preciso manter um pouco da história do bairro e não esquecer de dar atenção aos antigos moradores.”

As administrações públicas também merecem uma análise de Nicea. “Convivi com administradores regionais, subprefeitos ou prefeitos regionais nomeados e com suas limitações. Noto que alguns segmentos empresariais fazem mais pressão e são atendidos em seus pedidos. A estrutura da subprefeitura de Pinheiros não consegue atender às demandas atuais dos moradores e empresários. Sempre participei das reuniões de empresários com as autoridades em busca de melhorias para todos que trabalham e vivem na Vila Madalena. Não dá para ser de outra forma!”

Nesta nova fase da vida, Nicea quer “reciclar os conhecimentos, fazer novos cursos, quero aprender mais sobre a essa nova economia e sua complexidade. E ter um tempo maior para pensar a minha vida, mas sei que continuarei a criar porque isso que me dá prazer e não troco por outra profissão no mundo. Um momento de felicidade é quando encontro uma pessoa usando uma das minhas criações. Ela tem um pouco de mim!”. E orgulha-se em informar que seu trabalho está não só no Brasil como em outros países. A literatura também está nos planos da designer “escrever um livro. Não sei sobre qual o tema, se biográfico ou não, mas quero escrever”, afirma.

Ela faz um balanço e diz que nestes mais de trinta anos de carreira, “cheguei a trabalhar mais de doze horas diárias. Tem sua compensação, mas não falta tempo para pensar em outras coisas e principalmente na vida. O que eu quero fazer em breve!”, diz sem saudosismo ou tristeza. “É uma nova fase da vida”, diz.

Composição Bijoux (foto/Gerson Azevedo)
Composição Bijoux (foto/Gerson Azevedo)
A data para o fechamento oficial da loja Composição estava programado para acontecer no último dia de julho. “Mas recebi algumas mensagens de clientes pedindo para eu prorrogar por uns dias e em consideração a esses clientes e amigos, que muitos estão ou estavam em férias, devo manter a loja aberta até meados de agosto. Estou oferecendo bons descontos nas peças para agradecer à minha clientela essa parceria de tanto tempo”.

Outro desejo que espera realizar é passar a loja para empresários que explorem o segmento. “Pode ser uma loja de sapato, de acessórios ou algo assim. Como o prédio é meu, o único segmento que não quero é o de bar ou relacionado. Quem sabe, algum leitor do Guia da Vila Madalena se interesse… Vou ficar muito feliz se a loja tiver continuidade, mesmo com outro dono!”

A comunicação da sua decisão pessoal da parada estratégica foi feita em uma mensagem postada em um grupo de WhatsApp que participa. A receptividade para ela surpreendeu. “Muita gente me escreveu e veio falar comigo para eu desistir de parar e continuar com a loja e o ateliê. Por outro lado, outras pessoas me incentivaram a seguir meu coração e buscar a felicidade e enviaram mensagens informando o e-mail e outros contatos. Fico feliz pela atenção de todos. Vou manter as amizades que fiz com gente da Vila Madalena. Estou dando um tempo, não vou me aposentar ou mudar para outro lugar!”, avisa com alegria e otimismo pela decisão tomada. (GA)

Composição Bijoux, Rua Girassol, 228, Telefone 3032-5675 e 98210-0565, www.composição.com.br

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA