O samba de antigamente

0
1407

Foto:

O samba de antigamente

A onda retrô já atingiu a moda, a decoração, e agora chega ao Estúdio Emme com o projeto Sarambá. No palco, uma big band, quinteto de samba e voz que lembram a era do rádio.
O projeto estreou dia 30 de junho e será sempre nas segundas e últimas quintas-feiras de cada mês, às 22h30. Quem comanda a pista é Carol Bezerra, Quinteto em Branco e Preto e integrantes da Banda Mantiqueira. A plateia poderá dançar ao som de músicas que marcaram a história do samba e da gafieira, como Sarambá, de J. Thomas e Duque, Tem Francesa no Morro, de Assis Valente, chegando aos mais recentes Influência do jazz, de Carlos Lyra, Amor Até o Fim, de Gilberto Gil, entre outros.
A ideia surgiu da cantora Carol Bezerra e o empresário Nilton Seuaciuc, que buscaram resgatar os diversos estilos musicais dançantes que fizeram parte da história de tantos brasileiros. Tudo num novo formato, que alia entretenimento e conceito para incentivar os jovens a conhecerem um pouco desse acervo e voltar a dançar a dois, numa boa pista de gafieira.
Para quem não sabe, a gafieira é o local onde se pratica a dança de salão. Ela teve seu auge no centro da cidade do Rio de Janeiro e espalhou-se pelo país. Ritmos de raízes africanas eram tradicionalmente tocados por cordas, como cavaquinho e vários tipos de violões, além de instrumentos de percussão. Por influência das orquestras americanas, depois da Segunda Guerra Mundial, passaram a utilizar também instrumentos de sopro e, por influência do choro, apareceram a flauta e clarineta.
Além da voz de Carol, o palco também receberá o Quinteto em Branco e Preto, formado por jovens músicos e cantores da periferia de São Paulo: Magnu Sousá, no pandeiro e voz; Maurílio de Oliveira, no cavaco e voz; Everson Pessoa, no violão; e Vitor Pessoa e Yvison Pessoa, na percussão. Outra banda que promete animar o Estúdio Emme é a Banda Mantiqueira, com Nailor Azevedo Proveta, no sax e clarineta; Walmir de Almeida Gil, no trompete; José Francisco de Lima, no trombone; Josué dos Santos, na clarineta e sax; e também os músicos Ronaldo Gama, no baixo, e Fabio Modesto, na bateria.
Os ingressos custam R$ 30 antecipado e R$ 40 na hora. Eles estão a venda na bilheteria do Estúdio, pelo telefone 2626-5835 e pela internet, através do site www.compreingresso.com. Encontre seu par e divirta-se na gafieira!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA