Muros recuperados

0
533

As paredes dos 25 quarteirões da rua Cardeal Arcoverde (da av. Dr. Arnaldo à rua Fradique Coutinho), totalizando 150 imóveis, estão passando por um processo de recuperação por meio do Projeto Cidade Limpa. A iniciativa é do Governo do Município de São Paulo e coordenado pela Subprefeitura de Pinheiros, o projeto piloto teve início no dia 17 de maio, em frente ao portão do Cemitério São Paulo, na rua Cardeal Arcoverde, 1217.
Segundo o subprefeito de Pinheiros, Antonio Marsiglia Neto, um projeto similar foi realizado em São José dos Campos, em 2001, onde, em três anos, houve uma diminuição de 85% nas pichações. “O Cidade Limpa tem como objetivo resgatar a paisagem urbana para os moradores da cidade, combatendo o que é uma das portas de entrada para o universo das drogas e do crime. O projeto não ficará limitado a danos ao patrimônio público e se estenderá aos casos de pichação em estabelecimentos comerciais e casas particulares”.
A área escolhida como projeto piloto se deu por ser uma das principais vias de acesso ao bairro. A idéia é transformar a via em um modelo a ser seguido posteriormente nas demais ruas da região. As fachadas dos imóveis foram pintadas em duas cores: branco ou concreto. No entanto, apenas pintou-se as fachadas cujos proprietários dos imóveis particulares aderiram ao projeto, já que a prefeitura não pode pintar um imóvel particular.
O subprefeito explica que a adesão foi feita por meio da assinatura de dois termos distribuídos aos munícipes, pelos quais o dono permite à Subprefeitura “despichar” a fachada do imóvel. Ou se compromete a providenciar a pintura da fachada do imóvel.
As tintas foram doadas pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Tintas (ABRAFATI) e pela Sherwin-Williams, e a mão-de-obra pela Construtora Monte Azul. A Guarda Civil Metropolitana e as polícias Civil e Militar farão a vigilância em rondas noturnas na área para coibir e apreender o pichador. É essencial a manutenção do programa, a fim de que toda a ação tenha eficácia a médio e longo prazo. O Programa Cidade Limpa é contínuo. A primeira parte já foi concluída, agora, continua a manutenção com a ronda noturna, que visa coibir possíveis pichadores e com pintores que passam diariamente pelo local a fim de repintar pichações”, finaliza Marsiglia.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA