Guia da Vila para turistas

0
754

O Guia da Vila está ganhando a cidade. O informativo mais completo do bairro, que leva até você, mensalmente, o que acontece de mais interessante na Vila, será distribuído, a partir de setembro, nas Centrais de Informações Turísticas (CITs), instaladas pela São Paulo Turismo em nove pontos estratégicos para o visitante. Estas CITs seguem o modelo dos grandes centros turísticos mundiais para bem atender quem chega.
“Inicialmente serão dois mil exemplares adicionais do Guia da Vila, em embalagem especial para o turista, e estamos estudando novos produtos para comercialização também destinados aos turistas”, explica Ubirajara de Oliveira, diretor do Guia da Vila. “Sem dúvida é uma enorme vantagem para os nossos fiéis anunciantes”.
Em cada central, o turista encontra informações e serviços atualizados sobre a cidade. A CIT também funciona como fonte de dados para traçar um perfil do turista que visita a capital. São responsáveis por fornecer material de apoio, como roteiros e mapas que facilitem a vida do visitante. Em grandes eventos, como feiras, congressos, etc., são instaladas ainda as CITs móveis, fazendo muitas vezes com o que o turista de negócios fique mais um dia para aproveitar toda a oferta de lazer da cidade.
Desde o ano passado, todos os atendentes das CITs são, pelo menos, bilíngües, o que foi propiciado por meio de um acordo de capacitação com o Senac que visou qualificá-los para receber o turista de acordo com normas internacionais vigentes nas grandes metrópoles mundiais. Inclusive com treinamento específico para nichos de mercado que vêm muito para a cidade, como o público GLS – afinal, a capital paulista sedia a maior Parada GLBT do mundo.
Atualmente há 8 CITs em funcionamento na av. Paulista, Galeria Olido, Shopping Iguatemi, Estação da Luz, duas no Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos, Terminal Rodoviário Tietê e Parque Ibirapuera. A CIT da Praça da República está fechada temporariamente por causa das obras do metrô. As mais movimentadas são, pela ordem, Guarulhos I e II, Terminal Tietê, Paulista e Galeria Olido.
De acordo com o presidente da São Paulo Turismo (SPTuris), Caio Luiz de Carvalho, a CIT é uma grande ferramenta de localização e informação para o visitante. Por isso a parceria com o Guia da Vila, já que muitos turistas querem saber como chegar e o que tem na Vila Madalena. “As CITs são conhecidas internacionalmente. O turista já espera encontrar no destino uma central onde ele possa se informar e obter dicas importantes. E em São Paulo, uma das maiores metrópoles do mundo, o turista precisa saber como se locomover e ter à sua mão tudo que a cidade pode lhe oferecer”, diz.
Atualmente, quase 400 mil pessoas são atendidas nas CITs por ano. São turistas nacionais (de outros estados, do interior e litoral do Estado de São Paulo), internacionais e população local. A Vila Madalena vai ficar ainda mais conhecida!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA