Coração holandês

0
40

Bar e chopperia traz o melhor da Holanda para o centro da Vila Madalena.

“Tivemos a ideia de abrir um bar holandês na Vila, parecido com um “irish pub”, porque achamos que combinava com o estilo boêmio do bairro. Trazemos para cá uma novidade, que tem um contexto tudo a ver”, declara Sander Jacobus Eskes, proprietário do Bar e Chopperia Nassau, juntamente com sua esposa Ana Maria Alves.

Chopperia Nassau03-GV-NOV-TGA mistura de nacionalidades do casal também faz parte do cardápio, que mescla petiscos holandeses com petiscos brasileiros, além das bebidas, que tem desde a tradicional cerveja Heineken, criada na Holanda, até gins importados e a genever, um tipo de cachaça holandesa feita de trigo, mais fraca que o gim, e que deve ser consumida juntamente com um chope, com direito a um desconto de 15%. “Enquanto o chope mata a sede, mas dá sono, a bebida destilada dá energia, compensando a reação do chope. Na Holanda chama-se kopstoot, que corresponde a palavra cabeçada em português. E quem topa essa dupla, ganha desconto na compra”, explica Sander.

Outra atração da casa são os mais de 30 tipos de caipirinhas à disposição. “Oferecemos cachaças vindas de diferentes regiões (oeste de São Paulo, do Vale do Paraíba, do norte de Minas…). Colocamos as bebidas no bar em colaboração com o Mapa da Cachaça, um site que indica de onde vem as melhores cachaças e como as canas plantadas se modificam de acordo com a qualidade do solo de onde são originárias. Quem quiser degustar cachaças artesanais, pode vir aqui”, avisa o empresário. Ana, que por sua vez inventa receitas diferentes de bebidas, diz que atende muitos holandeses, ingleses e pessoas de outras nacionalidades que querem matar a saudade dos pratos típicos da Holanda, como as pofftertejs, panquecas feitas com farinha de trigo e manteiga, salpicadas de açúcar, que vão bem com chope; os bitterballen, croquetes holandeses feitos com mostarda; as patatje oorlog, que são batatas fritas holandesas especiais, que vem metade com maionese, metade com molho sateh (também típico daquele país), salpicado com cebola picada; o snert, ou caldinho de ervilha, entre outros.

Também servem petiscos brasileiros típicos e comidas de boteco, como iscas de peixe, croquete de provolone, bruschettas, além de pratos diversos.

Com capacidade para 80 pessoas, 40 fora, 40 dentro, a casa é aberta para festas de confraternização, aniversários, eventos, tem música ao vivo às sextas e sábados e abre de terça a domingo, a partir das 16h. (ND)

Bar e Chopperia Nassau
Rua Mourato Coelho, 1285, Vila Madalena
Telefone 3031-1215
www.facebook.com/choperianassau

Fotos: Tiago Gonçalves

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA