Bairro festeja São Paulo

0
398

O aniversário de 452 anos de São Paulo, em 25 de janeiro, foi comemorado com muita festa em todos os cantos da cidade. Na Vila Madalena não poderia ser diferente. A Subprefeitura de Pinheiros organizou uma super festa na praça Eder Sader, localizada na esquina das ruas Fidalga e Rodésia, com o que há de melhor em cultura, artes, música e literatura.
Segundo o supervisor de cultura da Subprefeitura de Pinheiros, Fernando Guimarães, a praça poderia ser bem mais aproveitada pela comunidade e este é um dos objetivos da coordenadoria para 2006. “Queremos ocupa-la com cultura, com arte, esportes e com atividades voltadas à saúde. Este primeiro evento foi uma homenagem à cidade”.
Durante todo o dia, as crianças puderam se divertir jogando xadrez, praticando esportes e colaborando com a revita lização da praça: elas plantaram cerca de 450 mudas de árvores. Outro ponto alto do evento foi um desfile de moda dos brechós da Vila e houve a participação do projeto “Autor na Praça”, que leva todos os sábados para a praça Benedito Calixto o que há de melhor no mercado editorial. Além disso, houve shows dos mais variados estilos: blues, samba, pop, mpb, choro, além de músicas e danças árabes e gregas. O encerramento ficou por conta da irreverente banda paulistana Velhas Virgens.
Simultaneamente aos shows, houve uma feira de artesanato e gastronomia no melhor estilo Vila Madalena, além de tendas com serviços gratuitos de acupuntura, alongamento, massagem, entre outros.
Algumas tendas foram destinadas à cidadania, com a participação da Subprefeitura de Pinheiros, apresentando seus serviços à comunidade; da Secretaria de Coordenação das Subprefeituras e Secretaria de Participação e Parceria, apresentando, entre outras iniciativas, o Projeto “Passeio Livre” e as benfeitorias de fresagem e recapeamento das ruas da região; da Subprefeitura “irmã”, Parelheiros, divulgando seus pontos turísticos e os artesanatos indígenas das Comunidades Guaranis das Aldeias Tenondê-Porá e Krukutu; da São Paulo Turismo, que demonstrou as possibilidades turísticas da cidade; e do Corpo de Bombeiros, que orientou quanto à procedimentos de primeiros socorros, entre outros.
“Queremos agora, junto da comunidade, do Centro Cultural Vila Madalena e de outros parceiros, buscar a ocupação da praça, ter outras atividades mais cotidianas”, acrescenta Fernando. Ele revela que a comunidade terá surpresas: “Em agosto, mês do aniversário de Pinheiros, vamos oferecer um presente para o bairro. As pessoas podem esperar que mais alguma coisa boa irá acontecer nesta praça”.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA