Para quem gosta de cerveja

0
930

Foto:

Para quem gosta de cerveja

Bebida mais consumida no mundo pelo público adulto, depois da água e do chá, a cerveja ganha, na Vila Madalena, a De Bruer, espaço onde os rótulos nacionais de cervejas artesanais são maioria. São mais de 100 rótulos nacionais e outros importados.
Oliver Buzzo, dono da cervejaria, operava no mercado de ações e sempre teve o sonho de ter uma cervejaria. “Sempre gostei de cerveja. Criei o site www.debruer.com.br para falar sobre as pessoas que fazem artesanalmente cerveja e a coisa cresceu e me motivou a abrir a loja-bar-restaurante, onde o cliente pode saborear ou levar para casa a preferida”. Oliver decidiu que a casa tivesse como especialização a cerveja brasileira artesanal. Diz ele: “Fiquei contente em reunir, em pouco tempo, mais de 100 rótulos”. Ele está sempre em busca de novidades para trazer para a loja. A internet é outra fonte de pesquisa e, por ter se tornado uma pessoa conhecida no meio cervejeiro, os fabricantes também o procuram. Seu diferencial, além das marcas pouco conhecidas, são cervejas de qualidade que o próprio Oliver testa para indicar aos clientes com preços competitivos, afirma ele. “Minha proposta é apresentar ao leigo esse mundo maravilhoso da cerveja”. A loja reúne, além das pilsens, as mais consumidas pelos brasileiros e boa parte do mundo: ales, lagers, stouts, darks, bocks, trapistas e outros tipos da bebida. Para Oliver, a cerveja artesanal brasileira está num bom nível. “Posso citar entre outras marcas, a Wäls, de Belo Horizonte, e a Bodebrown, de Curitiba”. Entre as importadas, em minoria, pode-se encontrar marcas de origem belgas, lituanas, alemãs e outras nacionalidades. Ele lembra que a bebida deve ser servida até a 5oC e não “estupidamente gelada”, como muita gente acha que é correto. “Muito gelada, a língua perde a sensibilidade e não percebe o sabor da cerveja”, explica. A escolha pela Vila Madalena decorreu da característica do bairro “que é um lugar bacana e tem um público interessado em novidades e boa qualidade”. No próximo dia 2 de março terá, na frente da loja, uma pequena fábrica de cerveja artesanal para que as pessoas possam conhecer e descobrir que fazer sua própria cerveja não é uma coisa muito complicada. O restaurante e o bar ficam ao lado da loja. No cardápio elaborado pela chef Waldete, são oferecidos saladas, grelhados, sanduíches, porções, espetos, kebabs, entre outras. Abre das 11 às 23h todos os dias. 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA