Integração musical

0
594

Quem gosta de música não pode deixar de conferir as apresentações que estão animando a Vila Madalena nas tardes e início das noites de sábado, quando jovens fazem apresentações de diversos estilos musicais em restaurantes e praças do bairro.
A iniciativa faz parte do programa “Jovens Mestres”, que incentiva alunos de música das classes A e B a também tornarem-se professores, ministrando aulas para jovens de famílias de baixa renda da região da Vila Madalena. E, no sábado, todos mostram ao público seus conhecimentos.
A animação começa por volta do meio-dia e vai até as 16 horas no Café Aprendiz, quando durante o almoço ou café é possível assistir a apresentações em vários estilos musicais, do jazz ao rock, do canto ao solo de piano ou violão. Na ocasião, é cobrado um couvert social de 3 reais.
Depois das 16, e até às 20 horas, o show continua gratuitamente na Praça Aprendiz das Letras. É a vez de bandas convidadas e também daqueles dispostos a fazerem apresentações espontâneas. “É um momento descontraído, diversificado e por isso mesmo, muito divertido”, enfatiza Roberto Wahrhaftig, idealizador do programa que começou há cerca de dois meses, quando o músico convidou seus alunos a se tornarem também professores. Com a aceitação da idéia, o próximo passo foi firmar uma parceria com o Cidade Escola Aprendiz, que dedica-se ao ensino de crianças e jovens de quatro a 24 anos pertencentes a famílias de baixa renda moradoras da região de Pinheiros. Roberto orgulha-se em dizer que todos saem ganhando com o programa: os seus alunos de música por se tornarem professores e serem remunerados para isso (com ajuda de parceiros) e os jovens atendidos pelo programa, que freqüentam aulas de música de graça. A idéia é que eles, um dia, também se tornem professores, passando para outros grupos os seus conhecimentos. “Este projeto é um exemplo de integração social, mostrando como jovens de diferentes realidades podem aprender e se divertir juntos”, afirma Roberto.
Alguns “Jovens Mestres” se apresentaram no Clube do Saber, em 23 de novembro. O evento contou com a participação do cantor Nando Reis e dos garotos do Projeto Guri, núcleo de Itaquera. Mais uma iniciativa da Cidade Escola Aprendiz, reconhecida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como referência mundial de inclusão social pela educação.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA