Discreto e competente

0
647

Kátia Gomes

Por trás de uma fachada discreta na rua Luis Murat, esconde-se um lugar aconchegante e ao mesmo tempo descontraído. O nome do achado é Santa Vila, bar recentemente aberto pelas amigas Daniela Barros Fonseca e Carla Cristiane Gomes, assíduas freqüentadoras de bares e botecos que resolveram investir em seu próprio negócio. Como boas entendedoras do assunto, elas procuram dar ao Santa Vila um pouco da característica das boas casas do ramo e evitar os inconvenientes de outras.
Com três ambientes, o bar se destaca pelo lounge no andar de baixo, que pode ser reservado para festas e eventos em um clima bem intimista. Além de um charmoso sofá rosa e televisão há uma mesa de sinuca e dardo eletrônico, a diversão dos freqüentadores que um domingo por mês dão lugar para o encontro dos membros da Federação Paulista de Dardos. Aqueles que não são profissionais podem se aventurar a competir toda segunda quarta-feira do mês no Torneio de Bares. A inscrição custa 10 reais por pessoa e a premiação varia de acordo com o número de inscritos.

Sugestões

Para quem não gosta de se arriscar e prefere curtir uma boa música, o Santa Vila também satisfaz. Nas noites de quarta, sexta e sábado, por exemplo, o andar superior do bar recebe diferentes bandas e músicos que mesclam em suas apresentações as várias vertentes da música popular brasileira. O couvert é mais do que justo: 5 reais.
Um atrativo a mais é a parte externa do bar. Quando o verão chegar, promete ser o ambiente perfeito para o chopinho gelado! Um bom motivo para reunir os amigos.
Como ninguém resiste a um aperitivo, o Santa Vila dispõe de Clube do Uísque e uma variedade de bebidas. Para acompanhar, petiscos como Filé Santa Vila (filé mignon à milanesa com catupiry gratinado) e Batata Santa Vila (feita no alho com tempero especial da casa). Durante todo o inverno, o bar oferece sopas e vinhos. Que tal a sugestão?

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA